ENTREVISTA DRª ROSELI ROSSI, NUTRICIONISTA (PARTE I)

Entrevista a Dr.ª Roseli Rossi. Assuntos: a influência do inhame na fertilidade, perigo de combinar uxi amarelo com unha de gato quando se tenta engravidar ou está grávida, alimentos para aumentar a fertilidade feminina e masculina, alimentação adequada para treinantes, grávidas e mulheres que estão a amamentar, entre muitos outros assuntos.

O ficargravida.com decidiu convidar para a primeira entrevista do blogue a Dr.ª Roseli Rossi, nutricionista, directora da Clínica Equilíbrio Nutricional, em São Paulo (Brasil). É uma longa conversa, rica em informações de grande relevância para treinantes e grávidas como a influência do inhame na fertilidade,  o perigo de combinar "uxi amarelo" e "unha de gato" quando se tenta engravidar ou está grávida,  alimentos que aumentam a fertilidade masculina e feminina, alimentação adequada para treinantes, grávidas e mulheres que estão a amamentar, entre muitos outros assuntos...
Aqui fica o nosso agradecimento à Drª. Roseli Rossi e também à instituição que dirige - a Clínica Equilíbrio Nutricional - por nos terem concedido esta fabulosa entrevista.

FICARGRAVIDA.COM (FG): O ficargravida.com sabe que a Clínica "Equilíbrio Nutricional" tem serviços próprios para Grávidas (gestantes). Também costuma ser procurada por mulheres que querem engravidar (treinantes)?
DRª ROSELI ROSSI (RR): Sim, muitas mulheres buscam uma melhoria nos hábitos alimentares quando planejam a gestação: ou porque querem emagrecer antes de engravidar ou porque tem consciência que uma alimentação saudável é essencial durante o período gestacional, tanto para a mãe quanto para o bebê. 

FG: Que tipo de ajuda procura (grávidas e treinantes)? 
RR: Buscam fazer uma reeducação alimentar para garantir o suprimento necessário das calorias e nutrientes essenciais para um bom desenvolvimento da gestacional, evitando a falta ou o excesso que podem ser muito prejudicial para mãe e para o feto. As treinantes têm o objetivo de chegarem a um peso adequado no período pré-gestacional, além de muitas também buscarem informações com relação aos nutrientes que podem auxiliar na fertilização.

FG: Pode citar alguns casos que a tenham marcado nos seus anos de trabalho (no que diz respeito á área da fertilidade – treinantes, grávidas e recém-mamães)? 
RR: Sim, tive muitas pacientes que quando submetidas a tratamento para engravidar tem como efeito colateral o inchaço, ficam muito ansiosas (devido à própria situação), compulsão por carboidratos e acabam até mesmo intensificando mais todos estes efeitos. Através da mudança dos hábitos alimentares, considerando a individualidade conseguimos amenizar estes efeitos indesejáveis. 
Já tive várias pacientes que tinham que evitar ao máximo o ganho de peso por já iniciarem com obesidade grau I ou II, nestes casos conseguimos até baixar o peso num primeiro momento pela mudança de hábitos alimentares, mas sempre com critérios nutricionais que garantam a necessidade dos nutrientes essenciais ao desenvolvimento adequado do feto. 
Dentro da minha experiência clínica com a maioria das grávidas que durante todo período gestacional aderiram uma alimentação adequada e em conseqüência não tiveram nenhuma intercorrência e aumentaram um peso compatível, após três meses já estavam com seu peso habitual.

[post_ads]
FG: Que conselhos genéricos dá a uma mulher que queira engravidar? E a uma mulher grávida? 
RR: Para a futura mamãe que ela procure uma orientação com o objetivo de melhorar seus hábitos alimentares, a fim de equilibrar todo seu metabolismo para dar melhores condições de saúde para iniciar a gestação, inclusive obter um peso saudável, a fim de diminuir o risco de problemas durante o período gestacional. 
Para mulher que esta grávida é de suma importância que ela tenha a consciência que tudo que ingere irá passar para seu filho, sendo assim ter uma alimentação rica em nutrientes em quantidades satisfatórias irá garantir o desenvolvimento pleno do bebê. Hoje temos comprovações cientifica que a alimentação materna tem influência na Programação Metabólica na vida pós-nascimento, ou seja, com maior risco de desenvolver doenças de ordem metabólica (Diabetes, Obesidade, Hipertensão Arterial, Doenças Cardiovasculares). Vale lembrar, que além da alimentação, a futura mamãe tem que ter um estilo de vida saudável, o ambiente, a relação familiar, amorosa, profissional e atividades diárias irão proporcionar uma gravidez mais saudável e este energia positiva é transferida para o feto.

FG: Acredita que a alimentação é uma parte essencial para uma boa gestação? 
RR: Sem dúvida, uma vez que a única fonte de nutrientes do feto é constituída pelas reservas nutricionais e pela ingestão alimentar da mãe, justificando a importância do estado nutricional adequado da mãe durante a gestação. Diversos estudos mostram que o bebê recebe todas as influências alimentares da mãe durante a gestação através da placenta, portanto podemos ter uma noção se o bebê terá risco ou não de deficiências nutricionais e alergias alimentares na infância pela avaliação do comportamento alimentar da mãe. Qualquer intervenção nutricional nunca é tardia para um melhor estado nutricional da mãe e do bebê. 
As adequações e orientações nutricionais baseadas na avaliação global da gestante têm como finalidade o controle de ganho de peso e a garantia de proporcionar o aporte necessário de nutrientes.

FG: Que cuidados é que uma mulher grávida deve ter a nível alimentar? 
RR: A dieta da gestante deve ser variada, colorida, equilibrada e moderada. 
Uma desintoxificação suave no inicio da gestação pode ser necessária, dependendo do histórico, e é importante para diminuir os níveis de substâncias que podem ser nocivas à mãe e ao feto (medicamentos e metais tóxicos). Entretanto, o acompanhamento de uma nutricionista é essencial a fim de que seja feito de forma adequada. 
Manter a cloridria na gestante é importante para garantir a absorção de vitaminas e minerais, principalmente a de cálcio. Cloridria é quando as taxas de ácido clorídrico estão normais no estômago e isso facilita a absorção de nutrientes. Quando a gestante apresenta hipercloridria ou hipocloridria a digestão e absorção ficam prejudicadas e pode causar até o sintoma de náuseas e vômitos. 
Restringir os alimentos que são alergênicos para a gestante, faz com que a absorção de nutrientes melhore e evita que a alergia da mãe passe para o filho. 
Um intestino saudável é importante para evitar constipação, alergias e auxiliar na absorção de vitaminas e minerais. O uso de probióticos é imprescindível. 
Durante a gestação recomenda-se a abstinência de bebidas alcoólicas, pois pode provocar retardo no crescimento e malformações na face e no coração. 
Evitar dietas hipocalóricas na gestação, pois as dietas com poucas calorias prejudicam o desenvolvimento e a produção de leite futura. 
Dr.ª Roseli Rossi
Em relação à cafeína, se o consumo for moderado e se a gestante tiver já o hábito do consumo, não há riscos a predisposição de abortos ou partos prematuros. A recomendação máxima de cafeína é 225 mg/dia, o que equivale aproximadamente 3 xícaras de café ao dia. Os alimentos que apresentam cafeína na sua composição são: café, chá verde, chá mate, chá preto, refrigerantes, achocolatados e chocolates. São contra-indicadas para gestantes hipertensas, cardíacas ou que apresentem sensibilidade à cafeína. 
As melhores opções de adoçantes para gestantes são sucralose e stévia, porém usar de forma moderada e com orientação nutricional. A seguir, o quadro mostra quais os alimentos funcionais que devem ser consumidos com regularidades, de acordo com as quantidades necessárias individualmente para garantir uma gestação saudável.

COMENTÁRIOS

BLOGGER

OUTRAS SUGESTÕES DE LEITURA$type=three$ct=0$ct=hide$c=6$meta=hide$source=random-posts$hide=home

Nome

anticoncepção,3,calculadoras,2,calcular período fértil,11,Caso de Sucesso do Mês,6,conselhos e desabafos,33,dicas 1,5,dicas engravidar,28,doenças,1,dúvidas treinantes,52,é preciso saber que,3,entrevista,17,essenciais,4,estudos,5,fertilidade masculina,13,gravidez e bebês,42,infertilidade,31,Outras sugestões de leitura,100,período fértil,34,
false
ltr
item
Ficar Grávida: ENTREVISTA DRª ROSELI ROSSI, NUTRICIONISTA (PARTE I)
ENTREVISTA DRª ROSELI ROSSI, NUTRICIONISTA (PARTE I)
Entrevista a Dr.ª Roseli Rossi. Assuntos: a influência do inhame na fertilidade, perigo de combinar uxi amarelo com unha de gato quando se tenta engravidar ou está grávida, alimentos para aumentar a fertilidade feminina e masculina, alimentação adequada para treinantes, grávidas e mulheres que estão a amamentar, entre muitos outros assuntos.
http://1.bp.blogspot.com/-4ZeSok4jiBs/UC9z57FIHYI/AAAAAAAABYU/terzAMapBLg/s320/roseli+rossi_QUADRADA.jpg
http://1.bp.blogspot.com/-4ZeSok4jiBs/UC9z57FIHYI/AAAAAAAABYU/terzAMapBLg/s72-c/roseli+rossi_QUADRADA.jpg
Ficar Grávida
http://www.ficargravida.com/2012/08/entrevista-dr.roseli-rossi-1.html
http://www.ficargravida.com/
http://www.ficargravida.com/
http://www.ficargravida.com/2012/08/entrevista-dr.roseli-rossi-1.html
true
6803256439446963720
UTF-8
ARTIGO NÃO ENCONTRADO VER TODOS LEIA MAIS Responder Cancelar resposta Apagar Por Início PAGES POSTS Ver todos LEIA TAMBÉM: CATEGORIA ARCHIVE SEARCH TODOS OS ARTIGOS Nenhum artigo encontrado Back Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy